quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Reescrevendo Sonhos!


Em cada pensamento, em cada fechar de olhos,
em cada sensação do vento que traz o teu perfume
vou reescrevendo cada detalhe desse sonho lindo...
Uma vontade crescente que acabe logo essa distância,
que o toque seja constante, que o beijo seja a todo instante,
e num arrepio me conduzas de novo ao amor...

Tem perfume no ar, perfume da tua pele macia,
perfume daquela mordida gostosa, ou será gosto de amor?
É certo que em cada segundo a tua presença me vem,
pensamentos e desejos sagrados de nós dois juntos,
de um sem fim de carinhos e sorriso... felicidade...

É como se em cada olhar teu eu repouse docemente,
que em cada afago das tuas mãos eu me perca,
mas que você não me deixe perdido, que você me encontre,
cada dia mais e mais no teu amor, no teu desejo, no nosso viver...
Estar com você é viajar para um lugar onde ninguém pode estar,
simplesmente viver, simplesmente ser feliz... simplesmente amar...

E em sintonia com você... reescrevendo sonhos... reescrevendo amor...

[André Carim]



segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Perfumando... Você... Amor!


Perfume que o vento rouba de ti,
numa pétala vermelha de uma rosa tão macia,
sensações que povoam de amor... pensamentos...

E o teu olhar que me aprisiona,
de olhos fechados quero o beijo e leves mordidas,
enquanto toques de desejo se procuram... pressentimentos...

A distância alimenta o nosso amor com saudades,
sorrisos bobos no meio da tarde, lembranças que arrepiam,
e a certeza do encontro marcado... movimentos...

A noite chega impiedosa, traz na suave brisa o teu cheiro,
guardo cada fragrância da tua pele numa inspiração,
misturando em meu corpo sensações de nós dois... perfumando...

[André Carim]



sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Sorriso que Encanta...



Uma tarde chuvosa, um sorriso que encanta,
um misto de sensações que desenham arrepios e desejos...
uma menina linda, um coração que assim 
em sintonia com o meu inspira, encanta... 
e em cada fechar de olhos te imagino aqui, 
ao alcance dos meus lábios ansiosos por um beijo, 
por um carinho e pela certeza que
é real o sonho quando abro meus olhos e te pressinto... amor...

[André Carim]


domingo, 28 de outubro de 2012

(In) Felicidade!



Quem muito ama convive assim,
na fronteira entre o sim e o não,
na divisa do Amor e da indiferença...
É como andar na corda bamba,
sentir em cada respiração o medo de perder,
em cada segundo do dia a possibilidade,
felicidade ou infelicidade...
Quando o Amor nos invade, vem com ele o medo,
mas a coragem nada mais é do que,
mesmo sentindo medo, aventurar-se, descobrir-se,
viver...
Sim, viver, porque o simples falto de estar vivo já é um risco,
quem deixa de amar por medo de sofrer, por medo de não dar certo,
não conhece a felicidade que pode vir daquilo que se tem medo...

[André Carim]


sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Primavera no Coração



O olhar denuncia, perdido no horizonte,
o coração grita, o peito quase se abre,
saudades... amor que não se mede...

Em cada sensação do dia a lembrança,
beijos entrelaçados, intercalados, suaves...
e uma vontade da tua boca... aqui... agora...

Os lábios procuram a tua pele, num pensamento assim,
como se em cada instante o vento trouxesse no perfume
toda a vontade, o desejo de te amar sem fim...

E num repente, tão intenso, primavera de sentimentos,
magia que encanta, amor que arrepia,
te sinto aqui... colada num beijo apaixonado... encontro!

André Carim


sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Na Tua Pele... Desenhos de Amor!




Quero desenhar poemas na tua pele macia,
sentir no teu cheiro a inspiração de amor mais linda,
em cada suspiro teu um arrepio que me beija,
e no canto do teu sorrio o beijo molhado... encantos...
Meu toque que te embala, se perde num instante,
apaixonado, amante, sensações de amor em ti...
A madrugada se aproxima e nos protege, abraços,
calor que alimenta a alma, o coração, o amor...
Juntos até que a manhã chegue, iluminando de vida
nossos corpos colados... bocas se procuram...
No nosso fazer amor a eternidade... felicidade!

[André Carim]


quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Então eu queria... Você!!!




Então eu queria, 
passar as noites com você,
contas as estrelas lá no céu,
e pegar na tua mão...
Sentir no teu beijo a vida, o Amor,
e no teu cheiro me embriagar de ti...
Em cada canto do seu sorriso,
morrer de felicidade, renascendo,
a cada beijo, um sonho real... Você...
E nos teus cabelos me aninhar, 
ter você nos meus abraços,
o teu colo meu aconchego...

[André Carim]


segunda-feira, 13 de agosto de 2012

Me perco de mim... me encontro em você...




E a noite se chama saudades...
A imensidão de céu cheio de estrelas,
onde a Lua desfila calmamente, anuncia...
O coração repleto de ti, perfume que alucina,
no vento a sensação de arrepios quando fecho meus olhos,
e sonho... imaginando a p
roximidade de teus lábios macios,
num roçar de leve... suaves desejos...
Sussurros da noite, gritos da alma,
a madrugada que chega gelada longe de ti,
mas que aquecida fica quando te sinto assim... tão linda...
Caminhos que se cruzam, movimentos de olhares,
que se perdem um no outro pedindo bocas coladas,
beijos molhados e um amor de encantos... você!

[André Carim]


domingo, 12 de agosto de 2012

Tem Você... Amor!




Tem leveza de sentimentos, tem amor no coração,
um sorriso que fascina, um beijinho que encanta...
Assim é o amor, assim é o instante, cada sensação
de uma noite de Luar... caminho iluminado...
Coração agasalhado por um fechar de olhos e sonhos,
desejos que se aproximam, se completam, se tornam...
em cada minuto a certeza do teu olhar,
que caminha junto ao meu querendo amar...
Saudades que não cessam, vontades que se pedem,
é assim que o amor nos envolve até que os lábios,
seguros num beijo molhado traduzem... é Amor!

[André Carim]


sábado, 11 de agosto de 2012

Quero Decorar Você... Inteira!




Quero decorar o teu cheiro,
para quando não estiveres perto
eu sentir com carinho esse amor quentinho...
E de olhos fechados imaginar sem demora,
cada beijinho que me dá com os olhos...
É como se a felicidade morasse em mim... Amor!

No som da tua voz o calor,
que sussurra docemente: gosto de você!
E um arrepio que o vento provoca,
é a certeza que estás aqui, pertinho...
Como se o brilho do teu olhar me alcançasse
e guiasse meu coração aos teus lábios num beijo!

[André Carim]


No Calor do Teu Amor...




Amanhecer no calor da tua voz,
um sussurro de Amor que desperta
e impregna o dia de carinhos...
Luz do Sol, aquece de longe o coração,
tão distante de um toque, mas perto do sentir...
É como se a tua boca me beijasse assim,
lábios macios e molhados, arrepio...
E a tua pele perfumada que enlouquece de desejos,
te quero assim, totalmente minha...
Movimentos de nós dois unidos por todo esse Amor!

[André Carim]


quarta-feira, 8 de agosto de 2012

Navegar em tua pele suave...




Navegar em tua pele suave, perfumada,
sentir em cada arrepio o amor que se aquece...
Um fechar de olhos e lábios molhados,
deito minha boca sobre a sua... sintonia perfeita...
É como se você fosse o sonho que faz da minha vida
felicidade..
. sensações intensas... eternidade no olhar...
A tua alma conversa com a minha... corações ansiosos...
Encontro há tanto tempo marcado... encantos...
Cada abrir e fechar de olhos um sonho: tua boca!
Sim, tua boca, onde quero morrer de amor
em beijos molhados que me fazem sentir vivo!"

[André Carim]


E você veio...




E você veio no vento, suave brisa perfumada,
de instantes verdadeiros, de beijos sonhados... molhados...
Provei do teu amor em cada palavra, em cada gesto,
um carinho desejado, um amor que se faz...
A tua voz que me acalma, que me incendeia...
é assim você, a cada dia felicidade, sorrisos,
um muito mais que bem querer, bem ficar, bem amar...
As noites vazias se foram, você chegou e me roubou,
da solidão só restou a sensação que o teu amor é meu
e o meu completamente perdido por ti... coração e amor...

[André Carim]


terça-feira, 7 de agosto de 2012

E a manhã chegou de mansinho...




E a manhã chegou de mansinho,
com gostinho de amor e carinho,
um sorriso no coração e o pensamento em ti...
Os dias estão mais aquecidos, protegidos do frio,
é que a tua voz faz morada nos meus ouvidos,
e em cada instante eu viajo em sonho
s...
Aconchegado na espera do encontro... de lábios...
de mãos... de dois amores que anseiam por ser... amor..."

[André Carim]


Teu nome... Amor!




Aquecido de sonhos... enfim,
Na imensidão de um toque macio
Assim tão intenso... sonho que se torna real...

Mais do que sorrisos, felicidade sublime,
Irradia em cada fechar de olhos,
Raios iluminados do coração... amor...
Intensidade que movimenta em pulsos o coração,
Amor que chegou, primavera de emoções descobertas
No calor de um Amor quentinho... você... encanto...

[André Carim]


Deixa que eu te encante...




Deixa que eu deite meus lábios sobre os teus,
e que meus olhos caiam nos teus, encontro de almas...
Beija-me suavemente e mata minha sede de amor,
alimenta-me da tua seiva e dos teus carinhos,
para que eu caminhe sob as estrelas do teu olhar...
Intensa sensação que me arrepia,
que o vento forte, impregnado de teu perfume,
vem e anuncia... um amor... um sonhar de felicidade...
Chegastes de repente, como chegam os anjos,
que trazem consigo o toque da eternidade...
No roçar da tua pele na minha o calor,
e finalmente sou completo quando em ti sou Amor...

[André Carim]


terça-feira, 24 de julho de 2012

Tentadoramente... Você!!!




A noite traz mais do que leveza,
num olhar que se aproxima do meu,
os teus lábios brincam de beijos nos meus,
enquanto toques descobrem o Amor
e o fazem assim... tentadoramente você!

E na madrugada que se aproxima,
o calor do teu corpo aconchega o meu,
movimentos de teus lábios nos meus,
dos meus em ti... a manhã chega logo,
e com o brilho do Sol, o reflexo do nosso amor,
em cada olhar, em cada sorriso... felicidade!

E assim se vão os dias,
instantes repletos de ti, entregue, como eu,
que nos teus lábios me perco, me encontro,
beijos molhados que selam duas vidas...
É como se a eternidade me visitasse inteiro
a cada toque teu, a cada encanto,
em todo olhar que o meu desnuda... Amor!

[André Carim] 


quinta-feira, 28 de junho de 2012

E se por descuido você me amar assim...




E se algum dia por descuido,
perderes o olhar no meu,
deixa que te mostre como te vejo,
e então entenderás porque te quero tanto...
E se nesse descuido você sentir,
que o calor na alma faz sorrir,
deixa que minhas mãos te segurem assim,
juntando cada parte de ti em mim...
A verdade é que desde que te conheci,
algo tão gostoso me acompanha,
como se o teu perfume estivesse em mim,
e o meu amor estivesse em ti...

[André Carim]


quarta-feira, 27 de junho de 2012

Me Veste da Tua Pele...




Me veste da tua pele tão branquinha,
me cobre com os arrepios num beijo ousado,
entrelaça cada pedacinho de ti em meu corpo...
Te quero agora, menina, sorriso que encanta,
num movimento que aproxima, encaixe perfeito...
Abraço que aconchega, corações batendo juntos,
sensações que se perdem em cada um de nós,
desde o instante do roçar de lábios, cheiro que toma conta,
transforma um suave suspiro em desejos ardentes...
Me desnuda na tua pele branquinha, amor,
e a minha pele bebe na tua suavemente,
o gosto da manhã, o molhado do orvalho,
que banha de amor a rosa, desabrocha em mim,
traz junto felicidade saciada no teu gosto de mulher!

[André Carim]


terça-feira, 26 de junho de 2012

Sopro de Vida...




Alguém que desvia o ar que respira,
que nos lábios do amor tem a vida,
e se junta na respiração que encanta...
Alguém que sente na pele o perfume,
num toque de desejos, arrepios,
entrelaçar de almas nas mãos unidas...
Nunca mais eu e você assim, tão junto,
vamos deixar de sermos Luar, paixão...
Em cada caminhar a certeza, de que você
é o toque que movimenta meu coração,
o pulsar de emoção, sensações...
E que a cada fechar de olhos você leve
o reflexo do meu olhar que te ama em silêncio!

[André Carim]


domingo, 17 de junho de 2012

Teu Olhar me Beija!




O teu olhar tem poesia,
os teus lábios encantos,
e tuas mãos desenham em mim
tudo aquilo que o Amor é,
momentos que se eternizam,
sentimentos que se multiplicam
quando enfim deitas sobre mim
a delicadeza de um sussurro sem fim...



Em cada instante que te olho,

vislumbro um turbilhão de sensações,
que num arrepio gostoso,
caminha na minha pele, desenhando você...
E na imensidão desse mergulho em ti,
descubro tudo de mais amor...
Aquele amor suave, mas ao mesmo tempo, bravio,
que embala sonhos, que provoca realidade, que se faz... Amor!





O horizonte por testemunha, a Lua que nasce,
caminha pelo espaço em busca de sensações,
que transmitam a nossos corpos colados... desejo...
Teus olhinhos assim, tão encantadoramente me fascinam,
me prendem em ti, me beijam em silêncio, 
certificam o que já sei... és minha, enfim, amor...
E o meu coração tão carente, bate acelerado quando,
teus lábios caídos sobre os meus, se fazem amor,
beijo teu sorriso que me convida... faz amor comigo...

[André Carim]